25 de novembro de 2016

ETERNAMENTE CARENTES




- Tais Luso

Jamais imaginei que um dia eu fosse viver tempos tão críticos no meu país. O medo paralisa, nos tira a autoconfiança. Falo num tempo presente, embora esteja registrado na memória do país um passado também comprometido
Como se não bastassem nossos infortúnios, estamos com escassez de bons sentimentos, carentes de amor, de carinho, de atenção, de educação, de sociabilidade, de delicadeza, de moral… carentes de tudo. Uma linha tênue passeia entre o equilíbrio e a agressão; entre a ética e a vigarice. O meu país chegou a esse patamar.
Sei que vivemos em sociedade, temos família, amigos...mas na verdade cada um no seu casulo, no seu individualismo, no seu Smartfone, nos seus vícios. Mas, estamos ainda muito unidos e presentes na vida do país, por dentro de suas mazelas e envolvidos por uma patologia governamental. Sim, o Brasil está doente; governo de um lado, aprontando; povo do outro, reivindicando. A desgraça entre as partes resulta nota zero em harmonia.
Com frequência aparece um mafioso explodindo nos noticiosos, que desequilibra a balança. Parece que não há mais padrões a seguir. Enquanto isso o povo vai se desmilinguindo de pavor, sofrendo mais arrocho em cima de uma massa falida que se chama Brasil, que espera por medidas urgentes para que possa  emergir.
Educação é um processo lento e trabalhoso, e quando tiram de um povo os seus direitos, levando junto a sua dignidade, acontece isso que estamos vendo.
Enfim, estou acreditando mais é no povo brasileiro que está de plantão, sempre em alerta nos grandes movimentos, nas redes sociais, na marcação rígida, nas cobranças. É povo nas ruas na luta contra  a  impunidade. Ainda acredito que existam homens de bem. Mas terão de descobrir  onde eles se encontram... É dureza.


___________________________________//________

36 comentários:

  1. Querida amiga, todas esas carencias de las que hablas, se han extendido a todo el planeta, todo se reduce a una cosa FALTA DE AMOR AL PRÓGIMO, lo demás es consecuencia de ello.
    Besos

    ResponderExcluir
  2. O fogo crepita, imagem terrível de paradoxal beleza,
    Corre gente aos gritos, sem rumo, alucinadas!
    Sopradas pelo vento, as chamas tornam-se fortaleza,
    Viaturas tanques dos bombeiros, acorrem apressadas.
    O verde da vegetação torna-se negro como a morte!
    Onde antes existia o encanto das flores silvestres,
    Agora são troncos e ramos calcinados de cheiro forte,
    É a devastação total, daquelas imagens campestres.
    Rolam pedras enegrecidas, pelas escarpas serranas,
    Desapoiadas da vegetação e árvores que as sustentavam,
    É o destruir do trabalho de anos, daquelas mãos humanas,
    Cujas vidas já difíceis pelos tempos, tanto labutaram.
    Casas, suor de uma vida de trabalho, queimadas,
    Culturas dizimadas pela passagem apocalíptica,
    Animais e culturas, vidas e emoções dizimadas,
    pessoas em desespero, ante situação tão critica.
    Finalmente apagou-se aquele fogo, terrível e devastador!
    Agora, olhar aquela paisagem é ter a dor no coração,
    É ser-se impotente, perante a ação de algum agitador,
    Causador de tanto sofrimento, por tão assassina ação.
    E assim deixo aqui, expressa à minha maneira, em relação a esta calamidade!
    Todo aquele que incendeia devia cair na sua fogueira
    E ter assim consumada a sua a pena, por tanta maldade.

    Profundo dizeres querida amiga.... bj em seu coração...Um ótimo e abençoado final de semana, á vc e a sua família!

    ResponderExcluir
  3. oi Tais, nossa, está bem complicado, realmente. É claro que continuamos tendo esperança em dias melhores, mas a sensação atual é esta mesmo, de medo, espanto, indignação, desalento. É um 'salve-se quem puder'. Bem difícil.

    Parabéns pela excelente crônica e pela linda escolha da ilustração.

    Beijinhos. Lindo final de semana!

    ResponderExcluir
  4. "Enfim, estou acreditando mais é no povo brasileiro: nos grandes movimentos, do povo nas ruas, nas redes sociais, na marcação rígida, nas cobranças. Na luta contra aimpunidade. Ainda acredito que existam homens de bem. Mas terão de descobrir onde eles se encontram... É dureza!!"



    beijo, querida amiga
    parabéns pela crónica!

    li com uma ponta de emoção atravessada na garganta.
    ainda há homens bons sim, raros, mas existem.
    hoje morreu um deles!

    bom fim de semana, Tais.
    grato

    ResponderExcluir
  5. Quanto pior melhor

    No congresso nacional entra ano, sai ano
    Corre, com a velha esperteza, a doce vida
    Só não rouba aquela pessoa não nascida
    Pois senador e deputado, tudo “mano”.

    Quem acusa um parlamentar é leviano
    Porquanto não verá essa turma arrependida
    Mais fácil, ser sua denúncia desvalida
    Por fazer parte de esperto maldoso plano.

    Politicalha sabe pra onde sopra vento
    Então quando enrica é porque é sortudo
    E, porque ganha na loteria muitas vezes.

    E quanto ao povão, não tem sentimento
    Sobre as dores do Pindorama fica mudo
    Pois para ele o povo é multidão de reses.

    ResponderExcluir
  6. Taís,não dá para acreditarmos em mais ninguém,nosso Pais está nas mãos de pessoas sem dignidade.
    Acredito muito nos movimentos que fazem nas ruas e no momento estamos precisando novamente disso.
    Bela cronica.
    Bjs e obrigada pela visita.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  7. Não deixemos morrer os nossos mortos

    ResponderExcluir
  8. Minha querida amiga,
    Tal como na família, quando os progenitores abandonam os filhos à sua sorte, assim é um povo que se vê abandonado pelos seus líderes.
    Quando se quebra a regra fundamental do respeito, tudo se desmorona.
    Lamento muito a situação do Brasil e tal como a minha amiga penso que a solução está na coragem e luta do povo brasileiro.

    Um beijinho solidário

    ResponderExcluir
  9. Difícil comentar, sabe Taís, pois a nossa voz está fraca diante de tamanha desfaçatez daqueles que usam e abusam do poder... Subjugam nossa capacidade pensante... Estamos como que anestesiados diante de uma cirurgia que não se finaliza... Até quando?
    Abraço.

    ResponderExcluir
  10. Essa carência de tudo, Tais... infelizmente, creio bem, que a mesma acontece a uma escala global!...
    Um dia... haverá sempre a gota que faz transbordar o copo... e talvez nesse dia, as pessoas sejam mesmo obrigadas a sair da sua bolha de conforto... para lutar por um país melhor... costumamos chamar de revolução... e de vez em quando, elas ocorrem, pelo mundo fora... com melhores ou piores resultados... até lá... o pessoal vai aguentando e assobiando para o alto... a ver se a coisa se resolve...
    Beijos, Tais! Bom domingo!
    Adorei sua crónica, como sempre!...
    Ana

    ResponderExcluir
  11. Taisinha, agora os brasileiros terão que apertar o cinto. Os gastos devem ser para os gêneros de primeira necessidade. Os economistas aconselham que cortem as viagens. Aconselham que não entremos nos juros do “cartão de crédito”, pois o banco não poupa ninguém. No Natal os presentes devem ser mais modestos, dizem os economistas. O 13° salário deve ser destinado ao pagamento dos tantos impostos que teremos de pagar, por termos apartamento/casa, carro (que também pede seguro) e por aí afora. Estamos no fundo do poço e daqui só sairemos nos próximos vinte anos. O Brasil está quebrado, Taisinha, quebrado. O país está endividado. Os Estados estão endividados. Foi esse caos que sobrou.
    Beijinho daqui do escritório.

    ResponderExcluir
  12. Texto muito verdadeiro,querida amiga Taís.Teremos que economizar em tudo,mas isso é culpa dos governos,tanto federal como estadual e municipal.Concorda?

    Tanta corrupção,dinheiro que some para os bolsos dos políticos.Um caos que esperamos melhore.

    Consegui seguir você hoje,amiga.

    Tente me seguir também!

    Obrigada pelo comentário carinhoso sobre meu aniversário.

    Volte sempre!

    Beijos sabor carinho e lindo domingo!

    Donetzka

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Donetzka, estou tentando seguir você e muitos que seguem meu blog, mas não estou conseguindo, dá erro 469 sempre! Como você conseguiu? Estou esperando uma luz...
      Beijo, obrigada, querida.

      Excluir
  13. Demorou, mas descobrimos o verdadeiro desastre que os governantes causaram.
    Se não fosse retirada do poder, aquela maluca e seus comparsas estariam hoje, empurrando goela-abaixo dos brasileiros, as falsas imagens de um país maravilhoso! E precisamos estar atentos, pois as raposas sorrateiras continuam às espreitas ávidas para voltar ao poder! Acredito na força do nosso povo e na crença do ditado:"Tem mais Deus para dar, do que o Diabo para carregar"!
    Beijos e boa semana, Tais!

    ResponderExcluir
  14. Oi Tais

    Hoje também ao fazer meu post me referi a este mal estar e a necessidade de esperança aliando a fé e as atitudes de lutas. Não há como nos calarmos diante desta situação calamitosa. bjs

    ResponderExcluir
  15. Tais, como é meu costume fiz um longo comentário que agora vou resumir. As preocupações do povo brasileiro são as minhas. Tenho muito do Brasil, principalmente os meus filhos e a minha nora e portanto, vês o quanto devo a esse belo país e ao seu povo, tão acolhedor. Meus pais e irmão continuam aí e o que mais os apavora é a violência. A economia é fácil de se reerguer, mas a violência, fruto das más condições na saúde e educação vai demorar muito mais. Mudar esses dois items é um processo longo e, enquanto o povo não tiver as condições necessárias para viver com o minimo de dignidade, vai continuar amargurado e para muitos a solução à vista é entrarem no mundo do crime. Amiga, resta-nos manter a esperança que o povo unido vai conseguir descobrir os homens bons, honestos e capazes que existem nesse pais; são muitos, felizmente e vão aparecer. É só manter a calma e esperar. Vi nas noticias que o governo voltou atrás naquele assunto do caixa dois para as campanhas eleitorais e isso foi por ver que o povo estava atento e iria para as ruas. É assim que tem de ser, amiga. E as carências, Tais, são muitas no mundo inteiro, mas, no nosso
    Brasil...não, não podemos permitir! Força, amiga! Beijinhos e que o sol que aí aparece sempre vos ilumine e vos dê esperança.
    Emilia

    ResponderExcluir
  16. Cuando iba leyendo me acordaba de que por aquí parece que pasa lo mismo, más o menos. Es raro el día que nos nos levantamos con la noticia de un nuevo escándalo económico. Corrupción en los partidos políticos, en los gobiernos municipales, escándalosos a todos los niveles, en la banca, en residencias de ancianos, etc. La impunidad reina en el paaís. Es un cáncer social. No pretendo consolarla diciendo esto, es que digo la verdad. Se destapan los casos en momentos como los actuales que se pasa por dificultades y qquien termina pagando "el pato" es siempre el pueblo. Los ricos han aumentado sus riquezas durante este período de grandes dificultades. Nuestro gobierno actual se ha gastado los 70.000 millones de euros que tenía en la caja de las pensiones que era un remanente para cubrir problemas y la mayor parte se ha gastado para otros temas. Esto no creo que pase únicamente en España, lo que ocurre es que cuando vienen mal dadas, la peor parte se la lleva el pueblo. Si hay que ahorrar, es en educación, en sanidad, en vivienda, en gastos sociales. Y a los ricos se les reducen los impuestos.

    Termino porque esto sería infinito y no creo que sirva para consolarla sino más bien para aumentar su pesimismo ante la situación que nos está tocando vivir en este mundo globalizado.

    Saludos cordiales. Franziska

    ResponderExcluir
  17. Sabe o que mais me assusta ? Imaginar que meus netos e bisnetos talvez não venham a ter as oportunidades que eu tive, que os pais deles tiveram de uma forma geral, em todos as fases da vida... O Brasil tá sendo dizimado, humilhado, desacreditado... É triste... Não vejo futuro...

    ResponderExcluir
  18. Tens toda a razão querida amiga Taís quando deitávamos para descansar nossos corpos e mentes sabíamos que pela manhã teríamos trabalho, salário, escola para nossos filhos e saúde com o dinheiro de nosso trabalho tínhamos algumas alegrias. Só que enquanto confiantes dormíamos nosso pais era roubado escorchado pela barbárie dos que se dizem defensores de nossa Nação hoje falida.
    Nosso sono antes tranquilo com sonhos de futuro já vai longe, pois como um cancro que silenciosamente foi se espalhando transformando tudo em dor , tristeza e desgraça.
    O que nos resta é lutar, acordar não cabe mais dormirmos tranquilos acreditando nesta máfia que usa de todas as manobras para continuarem essa roubalheira que nos causa além de tudo nojo, e asco.
    Força amiga
    beijos Léah

    ResponderExcluir
  19. É muito duro e triste tudo o que se está a passar no Brasil. Pelo que vou seguindo por cá, nada vai bem. E só o povo pode mudar as coisas. Com solidariedade, com força para correr com os que provocam tão mal estar.
    Obrigada pelo carinho de me divulgar.
    Uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Leia o livro Universo em Desencanto.
    Www.culturaracional.info

    ResponderExcluir
  21. Taís, vim dizer que adorei teu comentário e carinho pelo niver por lá! Muito legal! E teu texto perfeito...

    Acreditar, acreditar e acreditar, mas há poucos homens de bem em quem confiar.Pena! bjs, chica e tuuuuudo de bom!

    ResponderExcluir
  22. Boa tarde querida Tais...
    em todas as areas, lugares, cidades grandes ou pequenas..
    as pessoas se perderam, as mentes controladas,
    temos de em meio a este caos tentar ter bons pensamentos pois são eles que nos livram de assaltos, acidentes..
    tudo vibração..
    quem vibra coisas baixas acaba sofrendo por estas..
    procure no youtube por maria silvia orlovas
    ela fala muito do hoponopono..
    uma ferramenta simples de muita ajuda,, e tive resultados viu bjs e até sempre querida amiga

    ResponderExcluir
  23. Pois, cara amiga Tais, parece que há, realmente, uma escassez de bons sentimentos; aliás, acho que isso está açambarcando tudo, a falta de bons sentimentos gerando toda essa gama de infortúnios, em que a maldade aflora por todos os lados. Por vezes, ainda nos iludimos imaginando que essa ou aquela corrente de pensamento, que esse ou aquele organismo ou grupo vai reconduzir o bonde nos trilhos, entretanto, a mudança terá de vir de dentro, pois enquanto o homem não mudar, pouco coisa mudará. O homem íntegro é a solução de todos os problemas, mas a questão é saber quando seremos totalmente íntegros? Quem viu com atenção aquele programa de tv sobre a Noruega - transmitido há pouco tempo por um canal aberto - há de concordar comigo.
    Um abração. Tenhas uma boa semana.

    ResponderExcluir
  24. Tais, realmente é muito duro e triste tudo o que está se passando pelo nosso País.
    Como sou uma pessoa otimista, ainda tenho esperança em ver um Brasil melhor e mais íntegro.
    Bjs e aproveito para desejar uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  25. Querida amiga Taís.

    Como estou somente com o celular,sem computador,está difícil acessar os blogs amigos e optar por comentar outro post.
    Esse verdadeiro,incrivelmente bem escrito já comentei.
    Vim para agradecer sua visita e esclarecer que não coloco meu email no blog porque já tive muitos problemas sérios com isso.
    E quanto a meu perfil,não entendi.Contudo,salvei seu email e vou enviar para que você esclareça.

    Quanto a me seguir,basta ir abaixo dos seguidores e clicar em seguir.

    Abre uma caixa para digitar seu email (o mesmo que usa para fazer o login aqui) e confirmar.

    Havia um erro no blogspot que não existe mais. Tanto que consegui seguir vc aqui.
    E outros muitos começaram a seguir-me essa semana.
    Gostaria de ler vários posts seus porque amo a boa escrita como a sua.
    Assim que eu estiver com computador novamente,voltarei muitas vezes.

    Beijos sabor carinho e uma semana de Paz Profunda

    Donetzka

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querida Donetzka, fui várias vezes seguir seu blog, dá sempre erro 469. Há algo que você mudou, talvez o perfil. Aguardarei seu e-mail, não tem pressa. Muito grata pela delicadeza, uma hora vai dar. Estou nos tutoriais tentando descobrir. Beijo pra você.

      Excluir
  26. Lamento muito pelo povo brasileiro, tão alegre e generoso.
    É imensamente triste saber que pessoas, que mereceram a nossa confiança e voto, andam a roubar aos carentes...
    Porém, o Brasil já passou por situações muito duras e o povo - sempre atuante - conseguiu superá-las pela denúncia e reprovação, persistente e incansável, de pessoas corrompidas pelo poder e bens materiais.
    Torna-se necessário que cada brasileiro pratique um exercício mental diário que incuta força e coragem a si próprio e aos seus próximos.
    Grande abraço solidário, querida amiga.
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderExcluir
  27. Querida amiga Tais, tudo o que estamos vendo hoje estava como que incubado, agora vindo à tona, esperemos que não seja tarde para se poder recuperar, mas há que haver muita conscientização, indo ao fundo do poço terá que subir, isso demora, não é para agora!
    Preocupante sim, muito preocupante!
    Abraços querida amiga!

    ResponderExcluir
  28. Aunque Brasil tiene la fortaleza una vez más de superar sus "afecciones", la verdad, estimada Taís, es que los políticos son iguales en todas partes. Mi Chile no es la excepción.

    ResponderExcluir
  29. Olá Taís, você disse tudo, estamos num momento critico de país.
    Parece que trocamos seis por meia dúzia e há desesperança e maracutaias, projetos que nos pedem sacrifícios, mas eles nada de sacrifícios. Parece que vamos ter que estar sempre pelas ruas vestindo cores e lutando contra os horrores de uma politica porca e imunda que só governa para o próprio umbigo.
    Eu confesso não ter esperanças sem uma mudança radical destes que aí estão.
    Boa cronica e critica amiga.
    Meu terno abraço de paz e que Deus nos proteja.
    Bjs de paz e que a semana seja boa e leve.

    ResponderExcluir
  30. Boa tarde Tais.
    O Brasil realmente está em crise. Mas o que realmente chocante é que as pessoas estão perdendo o sentimento bons. Praticar o amor se tornou raro. Já imaginou se estivesse mais amor uns aos outros, não teriamos tanta diferença social. Existiria menas carencia afetiva, e com isso menos usuarios de entropecentes, pois a maioria das vezes esse pobres elementos sentem mal amados e ao se viciarem vão para rua pronto para tudo, roubar, matar para manter os vicios. Aumentando ainda mais a violecia, que na minha opiniao é o problema mais grave no nosso Pais. Ate os de classe media entram nos vicios por carencia afetiva. falta nas casas o dialogo que protegem os filhos de vicios e se tornarem um individuo problematico e que com certeza causará problemas aos outros. Falta educaçao no nosso Brasil mas falta ainda mas a educaçao dado pelos genitores, que devem ensinar aos seus filhos o respeito uns aos outros. Pessoas cultivam o odio em vez de praticar a harmonia. Muitos falam muito e fazem pouco, dizendo que não tem nada a ver com a situaçao dos menos favorecidos. Se todos fizessem a sua parte, muitos não iriam para cama sem nem uma refeição digna. O que escuto sempre é ajudar a dez pessoas não mudará o brasil, já imaginou se cada um ajudar a um, dois, dez pessoas, as pessoas que estariam sendo ajudada, conheceriam talvez a gratidão e se praticassem seria uma correte do bem. Se as pessoas com poder aquisitivo ensinasse os seus filhos a serem honesto e humano, talvez um desse fosse pará na politica e teriam a capacidade de se recusar a participar da roubaria geral. Meu Pai ensinou a todos os filhos e filhas o valor do dinheiro,da honestidade, e deu muito amor. Eu e a minhas irmãs comecamos a trabalhar cedo mesmo não tendo necessidade nenhuma para isso, e nenhuma também entrou no caminho dos vicios, porque fomos cercadas de amor. Eu me casei com um politico, quando percebi a furada, cair fora, dando a minha filha a educaçao que recebir. Não perdi meus valores, pois a heranca maior que meus pais me deram foi um bom exemplo. A minha filha é meu orgulho, a forma que a vejo ajudando aos outros me enche de orgulho, percebo como é importante darmos uma boa educaçao. Hoje confesso que não me envolvo em nada que se refere a roubaria que está acabando dia a dia o nosso Brasil, pois ainda acho que Povo unido é batalha ganha, mas não só na teoria, mas na pratica. Voce imagina a classe alta, junto dos pobres lutando para uma vida justa para todos nas ruas rsrs ? Com toda sinceridade não acredito nisso. Então só me resta fazer a minha parte, que sei que é pouca, mas pelo menos eu durmo me sentindo melhor, pois sei que estou contribuindo de alguma forma. Uma bela cronica. Desculpa os erros, mas o meu not se rebelou e não sai nada com acentos rsrs. Um lindo e feliz més de Dezembro para voçe e para o Pedro e familia. Forte abraço.

    ResponderExcluir
  31. Infelizmente minha amiga parece que este planeta está a ficar completamente louco, não é só no Brasil, nos Estados Unidos foi eleito um destrambelhado e na Europa também se está a perder os valores que fizeram da Europa uma referência, esperemos que isto seja uma fase passageira para bem da humanidade.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.
    Andarilhar

    ResponderExcluir
  32. Oi Taís, estamos vivendo num mundo que só de ver a imagem de uma pessoa, está condenada ao abuso da sua dignidade
    Estou muito triste com tudo que vem acontecendo aí no sul. Primeiro em Santa Maria, agora o avião. Procuro não pensar, mas quem mando nos nossos pensamentos.
    Que dor!
    Beijos
    Minicontista2

    ResponderExcluir
  33. É difícil, ver o Brasil neste lamentável momento, onde somente dúvidas existem e não sabemos com será o amanhã.
    Creio que devemos manter a esperança de que é uma fase passageira para que a alegria não fuja de nossos corações.
    Um abraço.
    Élys.

    ResponderExcluir
  34. Pois é Tais amiga!Essa tua crônica retrata exatamente o caos pelo qual estamos passando...Também concordo contigo,existem pessoas honestas,mas parece que perdemos a confiança de vez...Beijo!

    ResponderExcluir

SUA ATENÇÃO...

1 - Agradeço os comentários dos queridos leitores e amigos, sempre Bem-vindos!

2- Comentários ANÔNIMOS não são postados. Assine.

Um abraço a todos!
Taís Luso